Translate

sábado, 6 de Setembro de 2008

O que trata a Homeopatia ?

A Harmonia Mental, Emocional e Física

Frequentemente sou questionado sobre o que trata a Homeopatia; que patologias são passíveis de tratamento homeopático.
A Homeopatia é um sistema, uma forma de medicina muito completa. Digo completa, porque tem as suas próprias regras de diagnóstico, tem a sua farmacopeia própria e, a abordagem sobre a doença, é específica da Homeopatia. Assim, não podemos nunca abordar a doença e o doente do ponto de vista da medicina alopática (química). Isto é um erro que leva frequentemente ao insucesso clínico, descredibilizando a Homeopatia e ao mesmo tempo presta-se um mau serviço ao doente.
Segundo o meu ponto de vista, uma das principais razões para a descredibilização da Homeopatia está no facto de alguns colegas estarem a praticar medicina convencional com medicamentos homeopáticos, ou seja, o pensamento, a abordagem da patologia e a forma de medicar são os da medicina química, mas ao doente são dados medicamentos homeopáticos.
Assim, quando me questionam sobre o que é passível de tratamento homeopático, tenho que demonstrar às pessoas que em Homeopatia nós não tratamos doenças, tratamos sim a pessoa no seu todo. Quando trato um doente asmático, não trato a asma do doente, trato sim o doente que tem asma. Sabemos que todos eles sofrem da mesma doença, mas a forma como a asma se manifesta difere de pessoa para pessoa, o quadro sintomatológico fisico, emocional e mental é específico do indivíduo. O sucesso destes casos está em perceber essa individualização e medicar de acordo com a especificidade de cada pessoa. Este é o princípio que está subjacente a todas as prescrições homeopáticas.
No entanto, não podemos esperar milagres de cura, temos que ser sérios e aceitar que tal como qualquer outra forma de medicina, a Homeopatia, tem os seus limites e não trata o que não é passível de tratamento. Muitas vezes a Homeopatia é usada, não com o objectivo da cura, mas como um excelente paliativo, nomeadamente em doentes em fase terminal, dando-lhes uma melhor qualidade de vida de um ponto de vista não evasivo. Temos excelentes resultados em patologias agudas, como amigdalites, bronquiolites, otites, infecções do tracto urinário, etc, onde em muitos casos a Homeopatia é mais rápida a actuar do que a medicina química. Nas patologias crónicas e recorrentes, onde em minha opinião a medicina química mais falha, a Homeopatia assume-se como a melhor alternativa. Problemas do foro emocional / mental são também eficazmente tratados através da Homeopatia.
Porque não experimentar?

8 comentários:

Anónimo disse...

Eu experimentei e recomendo.
Sou terapeuta e desde que iniciei o meu tratamento homeopático com o Dr. Nuno Oliveira que tenho vindo a encontrar um equilíbrio que não lembrava ter há anos. Se alguma vez o tive...
Um equilíbrio mental e emocional que me tem permitido ter saúde física, saúde a todos os níveis aliás.
Tenho recomendado aos meus pacientes e até à data TODOS ME AGRADECERAM terem feito homeopatia com o Dr. Nuno (aproveito para passar TODOS os agradecimentos a si Nuno...:)).
Obrigada por tudo.
Muitos parabéns pelo excelente trabalho e contributo!
Eva

Rita disse...

Ola ... sou amiga de uma paciente sua... e ela recomedou mt o DR.! pelo que percebi a homeopatia cura a origem??? Eu tenho problemas de tiroides (hiper) tenho que andar sp regulada c os ditos quimicos para as tiroides e p o coração... há alternativas... ou deve-se seguir c o mm, e curar a origem atrav da homeopatia... ?????

Nuno Oliveira disse...

Olá Rita,

Mande-me um email com o seu historial clínico. Pode ser que possa ajudar...

Nuno Oliveira

Anónimo disse...

Boa tarde!
Sinceramente sinto um certo constrangimento em participar neste Blogue, porque na realidade sinto-me uma pessoa saudável fisicamente, no entanto, o meu lado mais sensível, mais exposto, deixa-me num desarme completo em relação ao rumo que levo na minha vida.
Tenho filhos, uma vida bastante ocupada entre emprego e casa, familia e uma enorme preocupação em estar presente e acompanhar os meus dois filhos. No entanto sinto-me cansada, muito cansada de não conseguir encontrar alguem que me ajude, me conforte e basicamente me compreenda.
Desculpe, falar sobre isto, não sei em que medida me puderá ajudar.
Tento viver uma vida positiva. Quem me conhece, acha-me alegre e de bem com a vida, mas a minha verdadeira e profunda realidade é que procuro Paz e um porto de abrigo. Oiço muitas vezes e até o transmito em conselho aos amigos, que a resposta está dentro de cada um de nós, mas o certo é que este não tem surtido muito efeito em mim.
Certamente estarei a ser maçadora, mas procuro respostas que não consigo encontrar, vejo-as mas não as encaixo em mim.
Atraio seguramente pessoas que necessitam da minha ajuda e faço-o com muita dedicação e até me sinto grata por isso, mas ser mãe é realmente o meu papel principal mas não em todas as situações.
Dr. Nuno Oliveira, mesmo não responda, seguramente já me ajudou pelo facto de escrever um pouquinho.
Obrigada
Salomé

Nuno Oliveira disse...

Olá Salomé,

Terei todo o gosto em ajudá-la.

Mande-me um email, ou telefone para o número que está na página principal deste blog para falarmos um pouco.

Cumprimentos,

Nuno Oliveira

Pininha disse...

Boa tarde Dr. NUNO, sou a filha da D.Elvira, que ainda ontem esteve no seu consultório. Estou realmente estupefacta com este início de cura! Digo isto porque à cerca de 2h a minha mãe liga-me, muito emocionada a dizer que hoje acordou sem o inchaço habitual nos pés, disse ainda não ter tido as dores no corpo de que se queixava. Dr. ela apenas tomou 3 granulos ao deitar e ao acordar. A sua reacção foi chorar agradecer ao meu pai que está no céu e pediu-me que partilhasse consigo a situação, com mil agradecimentos. Pediu-me também que lhe perguntasse se os 3 medicamentos que toma diáriamente (para a tensão, retenção de liq. e depressão), eram para ser interrompidos ou se deveria continuar a tomar. Agradeço que nos esclareça. Muito obrigada pela sua preciosa ajuda, no bem estar e alegria que ofereceu à minha mãe. Bem haja
Isabel Pina

Anónimo disse...

boa tarde Dr. Nuno Oliveira, tive oportunidade de ve-lo na televisao internacional - vivo nos EU e peco desculpa pela falta de acentos e cedilhas... gostaria de fazer uma pergunta, aqui vai: gostaria de saber se a homeopatia trata o meu problema que basicamente consiste numa dor que vem da zona lombar pela perna abaixo para a qual tenho feito terapia, bloqueio do nervo, etc. e nada funciona, quando estou sentada a dor fica melhor ate que desaparece mas andar e um sacrificio. um dos medicos que consultei diz que cirurgia e a solucao mas eu tenho um pouco de receio e gostaria de evitar. Sera que a homeopatia tem uma solucao??

Nuno Oliveira disse...

Olá,

Posso tentar ajudar. Envie-me um email para nunooliveira.homeopatia@gmail.com falando-me mais em pormenor sobre o seu problema.